No tempo do Tempo: Uma experiência inovadora
Autor:
Wladir Dupont


Wladir Dupont é jornalista, escritor e tradutor. Iniciou sua carreira em 1958 como repórter do jornal O Tempo e desde essa época dedica-se à recuperação da memória e da imprensa paulistana. Em seguida, foi para a revista Visão onde permaneceu até 1968 como repórter e redator. Nesse período, entre 1963 e 1964, ganhou uma bolsa de estudos de jornalismo do World Press Institute, no Macalester College, Minnesota. De volta ao Brasil foi para a Folha de São Paulo como redator e depois como editor de cidade.  

De 1965 a 1967 esteve no México para montar a sucursal local da revista brasileira especializada Médico Moderno, período em que acumulou a função de correspondente da revista Visão

De 1968 a 1973 deixou o jornalismo militante para assumir a chefia do Depto. de Imprensa da Ford-Willys do Brasil. 

De 1975 a 1980 foi para a revista Veja como editor assistente e meses depois, considerando sua experiência anterior no México, a revista mandou-o para lá como correspondente. Cobriu então os quatro anos finais da  revolução sandinista na Nicarágua, ocasião em que escreveu quatro capas para a revista. Depois da passagem pela América Central, a revista enviou-o a Portugal como correspondente, onde permaneceu durante um ano. 

De volta ao Brasil em 1980, ficou na redação da Veja como editor de livros e em seguida passou pela revista Playboy e depois pela Nova, também como editor de livros.  

Em 1982 foi assessor de imprensa do então secretário da Justiça, José Carlos Dias.Em 1985 foi para o jornal Folha da Tarde onde trabalhou até 1989 como repórter de cultura e colunista de propaganda. 

Como escritor possui dez livros institucionais com publicações no Brasil e no México e quinze traduções, incluindo livros de Octavio Paz, William Faulkner e Mario Vargas Llosa.  

Em 1994 foi ganhador do Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro, pelo primeiro livro de ensaios que traduziu de Octavio Paz, A Outra Voz.  

Atualmente colabora com o Jornal da Tarde, o sitio de comunicação Observatório da Imprensa e a revista mensal Sras. & Srs., escreve resenhas de livros brasileiros para publicações culturais da imprensa mexicana. 

Livros Institucionais: 

  • DUPONT, Wladir. 45 Anos – Uma Geração Sadia. Sadia, 1989. 

  • DUPONT, Wladir. Construtora Arão Sahm – 40 anos de história e realizações (autor do texto de introdução), Construtora Arão Sahm, 1994 

  • DUPONT, Wladir. Geraldo Alonso: o Homem e o Mito. São Paulo: Globo, Instituto Geraldo Alonso, 1991.  

  • DUPONT, Wladir. McCann – 50 anos em 2, Contados por Jens Olesen & Altino Barros, Editora Siciliano, 1995. 

  • DUPONT, Wladir. McCann-Erickson – 50 Años en México, McCann-Erickson, México,  1997 (em español) 

  • DUPONT, Wladir. Os Escandinavos no Brasil – Um Século de História. Clube Escandinavo de São Paulo, 1991. 

  • DUPONT, Wladir. Política e Sistema Penitenciário de São Paulo. Secretaria da Administração Penitenciária, Governo Luiz Antonio Fleury Filho. 

Traduções: 

  • FAULKNER, William. Enquanto Agonizo. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Editora Arx, 2001.  

  • IACOCCA, Lee A. Falando Francamente. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Cultura Editores Associados, 1988.  

  • KOVACH, Bill. ROSENSTIEL, Tom. Os elementos do jornalismo - o que os jornalistas devem saber e o público exigir. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Editora Geração, 2003.  

  • LLOSA, Mario Vargas. A Festa do Bode. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Mandarim, 2000.  

  • LLOSA, Mario Vargas. A linguagem da Paixão. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Editora Arx, 2002.

  • LLOSA, Mario Vargas. O Paraíso na outra esquina. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Editora Siciliano, 2003.  

  • MORITA, Akio. Made in Japan. Trad. Wladir Dupont. São Paulo, SP: Cultura Editores Associados, 1986.  

  • PAZ, Octavio. A dupla chama, amor e erotismo. Trad. Wladir Dupont. 2. ed. São Paulo: Siciliano, 1994. 

  • PAZ, Octavio. A outra voz. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Siciliano, 1993. 

  • PAZ, Octavio. Sóror Juana Inés De La Cruz. Trad. Wladir Dupont. São Paulo: Mandarim, 1998.  

  • PAZ, Octavio. Um mais além erótico: Sade. trad. Wladir Dupont, SP: Mandarim, 1999.

  • ROMAN, Kenneth. MAAS, Jane. Como fazer sua propaganda funcionar. trad. Wladir Dupont, São Paulo: Nobel, 1994. 

  • SOLOMON, Robert C. Amor: reinventando o romance em nossos dias Trad. Wladir Dupont. São Paulo : Saraiva, 1992 

  • YOUNG, James Webb. Técnica para produção de idéias. trad. Wladir Dupont, São Paulo: Nobel, 1994. 

Artigos: 

  • 1963/64 – cobertura da morte do presidente americano John F.Kennedy, Washington, duas capas da revista Visão.

  • 1975/80 – cobertura do final da revolução sandinista, quatro capas de Veja ao longo desse tempo.

  • 1985 a 95 – dez anos como colunista de propaganda na Folha da Tarde e posteriormente em free lance.